Especialista em restauração predial.

Saiba como otimizar a gestão de condomínio em 4 passos

23 de novembro de 2018

Se você é síndico, sabe que realizar a gestão de condomínio é uma tarefa e tanto, não é mesmo? Para lidar com as diversas adversidades de um complexo habitacional é necessário desenvolver certas habilidades, como um bom relacionamento e ponderamento para as críticas.

Isso porque diante de tantas demandas de trabalho, fica difícil ter tempo para resolver tantas exigências. Mas, saiba que existem algumas dicas para tornar a administração mais simples.

Um condomínio demanda esforços e bastante atenção do síndico. Ele tem a responsabilidade de acatar todas as críticas, sugestões e reclamações dos moradores, além de cuidar também da relação com os funcionários. Mas, para além de um bom relacionamento, é preciso também desenvolver capacidades contábeis e jurídicas. Caso exista qualquer contratempo no condomínio, ele saberá como agir e manter o profissionalismo.

Mesmo não sendo tão simples aperfeiçoar tantas habilidades, saiba que existem algumas dicas para que a gestão se comprometa a realizar um bom serviço a todo o condomínio. Confira, a seguir, como cumprir as obrigações e otimizar os processos administrativos em 4 passos:

1. Tenha controle financeiro

Certamente, esse ponto é um dos mais importantes, pois é por meio de uma prestação de contas transparente e organizada que se preserva a confiança dos condôminos. Portanto, esteja em dia com as obrigações financeiras e realize verificações mensais da quantia disponível em caixa.

Abra também um fundo emergencial, caso o condomínio precise realizar alguma reforma ou serviço rapidamente. Além disso, tenha um controle rígido sobre a arrecadação e verifique se os pagamentos dos moradores estão em dia.

2. Organize os documentos

Diante de tanta papelada, é normal se sentir perdido. Por isso, considere separar um local no próprio condomínio para organizar todos os documentos. Isso inclui contratos, pagamentos, solicitações de serviços, entre outros. Inclusive, caso algum condômino solicite qualquer tipo de comprovante, ele pode se direcionar para o arquivo  evitando que o síndico perca tempo procurando o documento.

3. Use ferramentas tecnológicas

Com a ajuda de algumas ferramentas tecnológicas, muito trabalho pode ser poupado. Analise as opções que o mercado oferece e descubra o que melhor se encaixa na realidade do condomínio. Atualmente, alguns softwares e aplicativos facilitam o acesso às informações do imóvel  e ainda pode ser um meio efetivo de comunicação entre síndico, moradores e funcionários.

4. Contrate uma administradora de condomínios

Se você deseja ter total segurança com todos os processos do condomínio, considere contratar uma empresa especializada nesse tipo de serviço. Além de lidar com todos os aspectos de ordem administrativa e contábil, ela ainda oferece suporte jurídico e controle sobre todos os documentos do imóvel. Certamente, essa é uma ótima opção para os síndicos!

Como visto, realizar a gestão de condomínio requer empenho e muita organização. O síndico, comprometido com o bem-estar de todos, deve buscar constantes melhorias e oferecer sempre o seu melhor, mantendo um bom controle financeiro, organizando documentos, sendo solícito e fazendo uso de ferramentas tecnológicas.

Gostou do conteúdo? Então, siga agora mesmo nosso Facebook e continue por dentro das novidades!