Obras de Arte em SP – Edifício Condestável

Em uma das vias mais importantes da cidade de São Paulo, a Avenida 23 de maio, é bastante comum olhar para os inúmeros arranha-céus existentes naquela região e se impressionar. Mas temos um prédio que consegue se destacar em meio a imensidão cinza da qual estamos acostumados. Isso porque, mais precisamente na Avenida Brigadeiro Luiz Antônio, existe um edifício que chama a atenção mesmo a longas distâncias.

Há algum tempo, o Condomínio Edifício Condestável poderia a princípio passar despercebido. Poderia ser considerado mais um prédio antigo na região central da cidade. Porém, no ano passado, foi solicitada uma verdadeira repaginação do prédio. E a Repinte esteve presente, realizando os serviços de lavagem, restauração e pintura do edifício, para que ele tivesse seu visual renovado. O resultado não poderia ser diferente: um acabamento perfeito e valorização total do patrimônio para os condôminos. Mas não parou por aí! Posteriormente, o Condestável recebeu um toque ainda mais especial: uma de suas laterais ganharia um grafite! 

 Tudo começou com o incrível projeto #TarsilaInspira, uma parceria entre a Prefeitura de São Paulo com o Em Branco para homenagear a artista plástica Tarsila do Amaral. Seus quadros expostos no início de 2019 no Museu de Arte de São Paulo, o MASP, bateram o recorde de visitas e, a partir daí, decidiram levar essa ideia para as ruas. 

Inspiradas por suas obras, seis artistas do sexo feminino foram convidadas a criarem murais gigantes para estamparem prédios na região central da cidade. O Condomínio Edifício Condestável foi um dos edifícios escolhidos para receber uma dessas obras. No início de 2020, a artista Mag Magrela criou um incrível painel de impressionantes 90 metros de altura por 15 metros de largura na lateral do edifício, com sua obra intitulada “Eu Resisto”. Além de se inspirar nas formas de Tarsila, Mag Magrela também traz para o centro da cidade uma importante crítica social, ao homenagear Marielle Franco escrevendo a palavra “presente” marcada no peito, que também convida os transeuntes a refletir a respeito.

E vem mais cultura e informação por aí, pois ainda teremos mais um post especial sobre #ObrasDeArteEmSP das quais nós, da Repinte, tivemos a honra de participar seja auxiliando na renovação das artes nos edifícios ou os preparando para receber novas cores, linhas e inspirações para todos que os veem. Fiquem ligados nas nossas próximas postagens!