Cinco dicas para evitar a propagação do novo coronavírus nos condomínios

Com a chegada de diversas variantes do novo coronavírus, infelizmente seguimos correndo muitos riscos em qualquer lugar. E quando falamos em condomínios, o caso pode se agravar. Isso porque, apesar das unidades autônomas, diversos ambientes são compartilhados e que não podem ser evitados no dia a dia, como elevadores, garagens, portaria e hall social.

Mas algumas medidas podem ser tomadas pensando na prevenção de todos e podem ser facilmente aplicadas. Confira a seguir cinco dias para evitar a propagação do novo coronavírus nos condomínios: 

1- Redobrar a atenção nos procedimentos de higienização

As áreas mais compartilhadas do condomínio, como portarias e elevadores devem ser higienizados constantemente. Se possível, mais de uma vez ao dia, para descontaminar botões, corrimões e áreas de acesso. Também é válido orientar os moradores a ter consigo lenços de papel na hora de ter contato com essas áreas e descartá-los posteriormente, para evitar possíveis riscos de contágio.

2- Instalar pontos de álcool em gel em todo o condomínio

Uma alternativa prática e relativamente acessível para servir como mais uma forma de prevenção é distribuir dispensers de álcool em gel em todas as áreas comuns do condomínio. É importante ressaltar que somente o álcool em gel a partir de 70% possui eficácia contra os vírus da COVID-19. Além disso, também é interessante colocar avisos acima dos dispensers orientando que, além do uso do álcool em gel, todos os moradores devem lavar bem as mãos ao chegarem em casa.

3- Restringir áreas de lazer 

Apesar de muitos edifícios terem liberado as áreas de lazer com algumas regras nos últimos tempos, vale a pena analisar se essas regras devem prosseguir da mesma forma ou se é melhor proibir o uso de áreas como piscinas, academias, churrasqueiras e salões de jogos. Uma boa alternativa é organizar o uso dessas áreas para um apartamento por vez, orientando que todos realizem a higienização dessas áreas após o uso.

4- Proíba o uso do salão de festas

Sabemos que, quando um morador solicita o uso do salão de festas, isso significa que ele pretende receber um número relativamente grande de pessoas. E nesse período que estamos enfrentando, é muito importante evitar aglomerações desnecessárias. Sendo assim, em prol da saúde de todos os moradores, o síndico pode optar por proibir o uso do salão de festas até que a situação esteja controlada.

5- Realize assembleias on-line

Com a opção das vídeo chamadas, já bastante utilizadas por empresas que aderiram ao modelo home office, é possível realizar assembleias com os moradores na modalidade à distância. Isso torna a reunião mais prática, já que todos podem participar sem correr nenhum tipo de risco. 

Esperamos que essas dicas sejam válidas para deixar o seu condomínio mais seguro nesse momento tão delicado. E juntos torcemos para que essa fase seja breve!