Especialista em restauração predial.

5 cuidados que devem ser tomados com a pintura de fachadas

18 de outubro de 2018

Ainda que um prédio tenha uma bela arquitetura, todo o seu visual fica comprometido se ele não estiver devidamente conservado. Entre os cuidados que precisam ser tomados para evitar que isso aconteça, está a pintura de fachadas.

Ela é fundamental para aumentar a sensação de conforto das pessoas que adentram o espaço, além de promover uma imagem positiva para quem o observa do lado de fora. A pintura ajuda a valorizar o imóvel, reflete o zelo que seus administradores têm por ele, bem como transmite a sensação de limpeza.

Porém, não basta pintar apenas uma vez, porque a tinta fica velha com o tempo e perde suas propriedades deixando a fachada desbotada, com aspecto de sujo e ar de desleixo. Para te ajudar a evitar que isso aconteça, listamos aqui alguns cuidados essenciais com a pintura de fachadas. Continue lendo e saiba como manter seu prédio bem conservado!

1. Escolher a tinta com cuidado

As tintas não são todas iguais, pelo contrário, existe uma grande variedade de tipos no mercado e cada um com uma indicação diferente. Por isso, na hora de fazer sua aquisição, você precisa se preocupar em investir naquela ideal para áreas externas.

Também é importante relatar ao vendedor o tipo de revestimento que o prédio tem. Isso porque alguns acabamentos de tinta oferecem melhores resultados em certas superfícies. Então, para que você consiga um belo visual deve estar atento a esse detalhe.

Não se esqueça de pesquisar com cuidado sobre a marca. Afinal, não se trata de escolher a mais barata ou a mais cara, e sim a que oferece o melhor custo-benefício. Você também pode consultar um profissional para que ele te ajude a definir a tinta ideal para o seu caso.

Escolher uma boa tinta influencia diretamente o resultado que será alcançado e também a durabilidade dele. Então, seja criterioso ao optar por essa ou aquela tinta e sempre forneça o máximo de detalhes a quem for auxiliar você para que o produto atenda de fato às necessidades do seu prédio.

Uma boa dica para ajudá-lo a escolher a tinta ideal é seguir as normas ABNT, que regulamentam a qualidade desse produto para a aplicação em construções civis. Lembrando que existem diferenças dessa normativa para as construções não industriais, sendo as NBRs 11702 e 15079.

2. Optar pela melhor época do ano para pintar

De acordo com a rotina do prédio, você pode identificar qual é o melhor período do ano para fazer a renovação da pintura da fachada. O intuito é não incomodar os moradores e também facilitar o trabalho de quem fará essa manutenção.

As épocas em que a movimentação de pessoas é menor, por exemplo, podem ser interessantes para colocar a pintura no cronograma. Afinal, como o tráfego será menor não haverá inconveniências para ninguém e o serviço poderá ser feito de uma forma mais discreta.

Outra opção é renovar a pintura um pouco antes de datas especiais e comemorativas. Dessa forma, o visual do prédio ficará renovado, trazendo mais satisfação para os moradores e melhorando a imagem dele.

Estabelecer um momento mais propício para pintar a fachada também possibilita planejar o orçamento. Essa é uma medida mais vantajosa do que tomar a decisão repentinamente e ainda permite deixar os moradores preparados.

3. Definir a periodicidade da pintura

Para que a pintura de fachadas não chegue ao ponto de prejudicar totalmente o visual do prédio, é interessante que ela seja realizada periodicamente. Determinar o tempo ideal para fazer essa manutenção ajuda a evitar que seu prédio fique com ares de descuido.

Esse tempo pode ser determinado de diferentes formas, como de acordo com a necessidade, se você julgar ideal. Por exemplo, se todos concordarem que a pintura deve ser feita anualmente, alternando os anos ou até mesmo a cada dois anos, isso fica definido.

Você também pode seguir o período de durabilidade da tinta. Isso porque existe um tempo para cada marca, dependendo da sua qualidade, em que seus produtos mantêm as características e o visual de novo. Quando esse prazo vencer, a pintura pode ser renovada.

Mas também existe a opção de seguir a legislação vigente em cada município. Em São Paulo, por exemplo, a Lei nº 10.518/88 determina que o condomínio renove a pintura das fachadas a cada cinco anos, e isso precisa ser respeitado.

É fundamental estar bem informado a respeito da legislação do seu município para que você possa seguir as recomendações e evitar problemas com a justiça. Mas é claro que a manutenção pode ser feita num período menor do que esse se você julgar necessário.

4. Comunicar os moradores sobre a manutenção

Sempre que a pintura de fachadas for renovada é importante informar aos moradores que essa manutenção será realizada. Por isso, é interessante que ela esteja dentro de um cronograma a fim de que todos possam estar cientes de quando acontecerá.

De toda forma, é fundamental comunicar às pessoas às vésperas da data programada para que elas se preparem para esse período de trabalho. Isso evitará que você receba reclamações e críticas, além de demonstrar a sua preocupação com o bem-estar dos moradores.

5. Contratar uma empresa de pintura de fachadas

Não se esqueça de que a pintura de fachadas é um trabalho que precisa ser realizado por profissionais. Isso é válido para as construções com menores dimensões e principalmente para prédios e edifícios.

Afinal, é fundamental que a pessoa responsável por realizar o serviço seja experiente para executá-lo da melhor forma possível, garantindo a qualidade dos resultados. Porque, como dissemos, a pintura influencia muito na aparência do prédio.

Mas não é somente por isso. Uma empresa especializada também tem equipes treinadas que utilizarão equipamentos de segurança para proteger tanto a integridade dos trabalhadores como dos moradores. Esse é um ponto fundamental a se considerar, já que acidentes podem resultar em responsabilidades graves para você.

Na hora de contratar uma empresa para fazer a pintura de fachadas, pesquise muito bem a respeito do serviço oferecido por ela. Observe se ela tem toda a estrutura necessária para realizar o serviço com qualidade e segurança.

A pintura de fachadas precisa estar conservada para que a imagem do prédio não seja prejudicada por ela. Assim você aumenta o bem-estar dos moradores e mantém o aspecto agradável do edifício. Mas não se esqueça de contar com uma empresa especializada em restauração predial para ter excelentes resultados.

Precisando de mais detalhes sobre pintura de fachadas? Então converse com nossos especialistas! Entre em contato conosco para falar com um dos nossos consultores.